Taxa de ocupação hoteleira aumenta e movimenta economia em Macapá

macapa06-bg.jpg

A Federação de Turismo do Estado do Amapá (FETur) realizou o Censo do Turismo de Macapá 2018, a pesquisa reúne informação sobre a movimentação nos setores de hotelaria, transporte aéreo e alimentação fora do lar na capital.

Macapá recebeu mais turistas e hóspedes em 2018, em relação ao ano anterior. A taxa de ocupação hoteleira chegou a 59% (avanço de 7% em relação a 2017), 58.048 pessoas passaram alguns dias nos mais diversos tipos de acomodações da capital, e movimentaram na economia local mais de R$ 54,8 milhões, o maior gasto de turistas registrados desde 2015.

O turismo de negócios (85%) ainda é o mais visado pelos turistas, seguidos pelo de eventos (9%) e de lazer (1%). A pesquisa foi realizada por meio de entrevistas e aplicação de questionários com os empreendimentos, entre hotéis, balneários, aparts, hostels e pousadas.