Passagens aéreas devem ficar mais baratas em setembro

t1.png

A entrada de companhias aéreas estrangeiras e novas ofertas de voos no mercado nacional irão refletir nas tarifas das passagens aéreas, afirmou o ministro da infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, nesta segunda (15). O aumento da quantidade de voo ofertado interfere diretamente no valor da tarifa.

Em abril, as passagens aéreas avançaram 30,9%, influenciadas pela recuperação judicial da Avianca. Nas rotas de maior demanda em que a companhia tinha grande representatividade, os preços subiram.

Segundo o ministro, alguns companhias estrangeiras de baixo custo já estão operando no Brasil e devem passar a operar voos domésticos.