Servidores federais no Amapá estão preocupados com o aumento da contribuição previdenciária

Quase 20 mil servidores federais no Amapá estão preocupados com a Medida Provisória 805, que aumenta a contribuição previdenciária dos servidores da União de 11% para 14%. O reajuste passa a vigorar a partir de 1º de fevereiro de 2018 e impacta diretamente no ganho desses profissionais.

Publicada no início de outubro, a MP estabelece que alíquota de 14% vai atingir a parcela do salário dos servidores que ultrapassar o teto da Previdência Social, de R$ 5,3 mil. Quem recebe até esse valor não será afetado, ou seja, a alíquota será cobrada somente sobre a parte dos ganhos excedentes ao teto.

O Sindicato dos Servidores Públicos Federais do Amapá (Sindsep) se manifestou contrário ao aumento, argumentando que as perdas para os funcionários são prejudiciais à economia local.

Fale conosco

Conselho Regional de Economia do Pará e Amapá


Tel: (91) 3242.0207 / 3223.1988
E-mail: adm@coreconpara.org.br​
Endereço​​​​​​: 

Rua Cônego Jerônimo Pimentel, 918 - Belém/PA
Cep: 66055-000

© 2017 por Ascom Conselho Regional de Economia - 9ª Região