Petrobras vai distribuir R$ 10,3 bilhões em dividendos

A Petrobras anunciou nesta quarta-feira (24) a distribuição de R$ 10,3 bilhões em dividendos, o equivalente a R$ 0,787446 por ação ordinária (com direito a voto) e preferencial (sem direito a voto) em circulação, com base no desempenho da companhia em 2020.

Do valor a ser pago, R$ 5,7 bilhões são referentes à destinação do resultado do exercício de 2020 e R$ 4,6 bilhões são oriundos da conta de reserva de retenção de lucros. 

A companhia reportou lucro líquido de R$ 7,11 bilhões em 2020.

Para receber os dividendos, o investidor deve ter ações da Petrobras até 14 de abril. No caso de detentores de ADRs (recibo de ação negociado nos Estado Unidos), o prazo é maior, 16 de abril.

Segundo a companhia, as ações da Petrobras serão negociadas sem direito a dividendos, tanto na Bolsa brasileira como na Bolsa de Nova York, a partir do dia 15 de abril.

O pagamento será efetuado em 29 de abril e todos os valores serão atualizados pela variação da taxa Selic de 31 de dezembro de 2020 até a data do pagamento.

"O dividendo proposto, superior ao mínimo obrigatório, foi possibilitado pela forte geração de caixa alcançada pela companhia em 2020 e está alinhado ao compromisso de geração de valor para os acionistas", disse a Petrobras em comunicado ao mercado.

Em dezembro, a companhia pagou os dividendos referentes ao exercício de 2019, no valor de cerca de R$ 1,7 bilhão aos detentores de ações ordinárias e de R$ 2,5 milhões aos preferencialistas.

Fonte: Folha Press

Fale conosco

Conselho Regional de Economia do Pará e Amapá


Tel: (91) 3242.0207 / 3223.1988
E-mail: adm@coreconpara.org.br​
Endereço​​​​​​: 

Rua Cônego Jerônimo Pimentel, 918 - Belém/PA
Cep: 66055-000

© 2020 por Ascom Conselho Regional de Economia - 9ª Região